sexta-feira, 31 de dezembro de 2010

O perfume (ferormônio) das ruivas

Como alternativa para vencer a natureza e perpetuar a ‘raça’ talvez os ruivos simplesmente possuam um cheiro que atrai seus parceiros. Poucos conhecem a força visceral do cheiro como forma de se atrair parceiros. O feromônio é definido por MerriamWebster.com como "uma substância química que é produzida por um animal e serve principalmente como um estímulo a outros indivíduos da mesma espécie para uma ou mais respostas comportamentais". Investigações científicas continuadas sobre feromônios e seus efeitos sobre o atração dos seres humanos  sugere que as pessoas "farejam" os parceiros que são procriativamente compatíveis.
Além disso, alguns cientistas acreditam que quando os casais não prestam atenção aos seus feromônios, que podem dizer se eles devem ficar juntos ou não, poderão surgir problemas de fertilidade.
Em 1886, o francês Augustin Galopin afirmou em seu livro, "Le Parfum de la Femme", que, entre as mulheres, as ruivas têm o mais forte perfume: âmbar e violetas.
Rowan Pelling, editor-fundador do ‘The Erotic Review’, concorda que as ruivas têm um forte odor natural, mas alega que "Ruivas famosas têm um cheiro almiscarado característico, que atrai admiradores selvagens." [o Gato Almiscarado (civeta) é um gato selvagem cujo perfume foi premiado durante séculos por razão de suas qualidades afrodisiacas].
Stephen Douglas relata no seu livro “The Redhead Encyclopedia” que a pele das pessoas ruivas exala um "doce cheiro de almíscar" e é incapaz de “carregar” outras fragrâncias. O autor se refere especificamente às mulheres, porque as alterações químicas no corpo de uma ruiva mudam conforme as suas emoções.
Embora esse conjunto de ideias apresente possibilidades intrigantes, não existem atualmente explicações científicas definitivas que esclareçam existência continuada dos ruivos. Assim, a sobrevivência e nascimento continuado de pessoas ruivas na maioria das culturas conhecidas em todo o mundo poderiam resultar de uma mistura das hipóteses citadas acima, juntamente com outros fatores desconhecidos. Ou, como é orgulhosamente proclamado em inúmeros sites “ruivocêntricos”, a causa da perpetuação dos ruivos poderia ser simplesmente em razão de o cabelo vermelho ser lindo e raro, sendo inatamente admirado por um enorme número de pessoas que são atraídas por eles.

terça-feira, 28 de dezembro de 2010

sábado, 25 de dezembro de 2010

Todo mundo odeia o Chris (...e ele odeia um ruivo)


O seriado "Todo Mundo odeia o Chris" que passa diariamente na TV Record conta a história real de Chris Rock, célebre ator e comediante da televisão, narrando histórias dele e sua família, vivências engraçadas e desventuras de sua adolescência durante a década de 1980, a começar pela luta que teve de travar para encontrar seu espaço num colégio frequentado por brancos, muito distante de sua casa.
Como o mais velho de três irmãos no bairro de Bed-Stuy, no distrito do Brooklyn, na cidade de Nova York, também precisou manter os mais novos na linha e superar os testes de sua escola, quanto ao preconceito e as dificuldades da época.
Como todo adolescente ele tem seus problemas só que um o pertuba diariamente e o seu nome é Joey Caruso.
Interpretado por Travis flory,Caruso é um garoto Ruivo que estuda com Chris. É racista, mal-educado, briguento, falso e dissimulado, e está sempre acompanhado de outros garotos, com os quais dá surras diárias em seus desafetos,entre eles o Chris!

sexta-feira, 24 de dezembro de 2010

UM FELIZ NATAL PRA TODOS!

Muita paz, saúde, amor, felicidade e por que não um bocado de dinheiro né? ;)

domingo, 19 de dezembro de 2010

Carta para uma ruiva ;)

Querida Ane,
Ainda bem que a Idade Média já vai longe, pois naquele tempo as mulheres ruivas chegavam a ser acusadas de bruxaria e eram condenadas à fogueira, porque o cabelo vermelho seria um indício de práticas diabólicas.
Ainda bem que a Inquisição não foi bem sucedida em seu intento de extingui-las pois, embora hoje se saiba que não há nada de diabólico nas graciosas figuras de cabelos avermelhados, ao saber-te ruiva senti a "minha tez tomar um tom fouveiro, indício da ebulição do sangue a ferver-me em bolhas no coração." Desculpe, não resisti e parafraseei o romântico José Alencar, pois só os imortais são capazes de descrever com precisão o que se passa no corpo de um homem encantado pela doce visão dos teus rubros cabelos.
Ao pensar em você, sinto-me como se fosse um antigo Celta, respeitosa e absolutamente apaixonado por uma das druidesas da aldeia. Você sabe, é claro, que estas sacerdotisas eram mulheres ruivas, sagradas às deusas guerreiras por simbolizarem o "sangue vital", "menstrual". Além disso, conheciam o poder das palavras, pedras e ervas; elas faziam encantamentos, feitiços e profecias e, assim, tinham o status de semi-divindades.
Mas, vamos deixar de lado os mistérios da história que me remetem aos seus cabelos. Sejamos mais poéticos - ou botânicos!!! - porque, na verdade, a expressão "ruiva" vem de uma singela plantinha mediterrânea chamada "Rubia", "rubia tinctorum", que tem as folhinhas em forma de lança e produz flores bem delicadas e pequeninas.
Serão as lanças impressas nas folhas ou será o vermelho o que te faz tão especial? O vermelho do fogo, do risco, do perigo e das associações com o mistério; ou a lança que sugere um comportamento decidido, forte, guerreiro? Responda-me, querida: o que te faz tão encantadoramente doce e misteriosa? Será que o teu coração é tão caloroso quanto as lendas que envolvem a cor dos seus cabelos?
Eu, sinceramente, não sei... Só sei que tem uma ruiva no meio do caminho. No meio do meu caminho tem uma ruiva. Acho que as minhas retinas fatigadas jamais se esquecerão deste fato, por toda a minha vida. No meio do caminho tem uma ruiva. Tem uma ruiva no meio do caminho... E penso que esta ruiva é a minha pedra druida da sorte!!

Beijos,
Filipe

Obs: Carta com autoria desconhecida.
Obrigado pela dica Laísa :)

domingo, 12 de dezembro de 2010

38 Curiosidades sobre os ruivos


1. Os antigos gregos acreditavam que os ruivos se transformariam em vampiros depois de mortos.
2. Cerca de 1-2% das pessoas, ou cerca de 2 em cada 100 pessoas no mundo, tem o cabelo vermelho.
3. Os cabelos escuros podem ficar vermelhos ou loiros, nos casos de deficiência grave de proteínas por inanição grave.
4. O cabelo de cor mais rara em seres humanos é o vermelho.
5. Durante a Idade Média, uma criança com cabelo vermelho era tida como concebida durante um "sexo impuro" ou durante a menstruação. Atualmente na Inglaterra, crianças ruivas têm sido chamadas de "red knobs" ou "tampon tops"
6. Os cabelos vermelhos não ficam cinza como as outras cores de cabelo. Eles tendem a tornar-se aloirados e, depois, brancos.
7. De acordo com pesquisa realizada pelo Dr. Werner Habermehl, sexólogo de Hamburgo, mulheres com cabelo vermelho fazem mais sexo do que mulheres com outras cores de cabelo. Ele também constatou que as mulheres que encontram-se em um relacionamento e que tingem seu cabelo de vermelho pode ser sinal de que estão descontentes e procurando algo melhor.
8. Por razão de o cabelo ruivo natural manter seu pigmento mais do que as outras cores, é mais difícil tingir.
9. Durante a caça às bruxas nos séculos XVI e XVII na Europa, muitas mulheres foram queimadas na fogueira como bruxas simplesmente porque tinham os cabelos vermelhos.
10. Lilith, a suposta primeira esposa de Adão, tinha o cabelo vermelho. Ela acabou expulsa do Jardim do Éden por ter se recusado a ficar subordinada ao Adão.
11. As ruivas sofrem contusões mais facilmente do que mulheres com outras cores de cabelos.
12. Pessoas com cabelos ruivos têm duas vezes mais chance de desenvolver a Doença de Parkinson.
13. Os ruivos têm um cabelo mais grosso do que pessoas com outras cores de cabelo, por isso eles possuem menos fios. Por exemplo, enquanto os loiros têm em média 140 mil fios de cabelos, ruivos têm cerca de 90.000.
14. Mark Twain disse certa vez que "Enquanto o resto das espécies é descendente de macacos, os ruivos são descendentes dos gatos".
15. Hitler teria proibido o casamento de ruivos, a fim de evitar uma "descendência impura".
16. Segundo uma peça de George Chapman, Bussy d'Amboise, o veneno ideal deve incluir a gordura de um homem de cabelos vermelhos.
17. Segundo a lenda, o primeiro ruivo foi o Prince Idon de Mu, que, assim que descobriu Atlântida, ficou maravilhado com o lugar e desejou que seus descendentes pudessem contemplar o que ele via. Assim seus cabelos tornaram-se vermelhos como o deslumbrante pôr do sol da ilha vermelha e seu corpo ficou coberto por sardas como as folhas do lugar, sendo essas características repassadas para as gerações futuras.
18. O cabelo vermelho é uma característica recessiva, o que significa que uma criança para ser ruiva deve herdar um gene responsável pelos cabelos vermelhos de cada um dos pais. Características recessivas muitas vezes vêm em pares, dessa forma ruivos que sejam também canhotos são mais comuns do que em outras cores de cabelo.
19. Alguns estudiosos especulam que Adão era da "terra vermelha", sendo que a palavra hebraica para "vermelho" é Adom. Então, Adão teria sido ruivo?
20. De acordo com a revista Playboy, "Ruivas são como as outras mulheres, só que com algo a mais"
21. Estudiosos afirmam que os ruivos teriam influenciado a história de forma desproporcional se considerado seu baixo número perante o restante da população mundial. Ruivos famosos incluem o imperador romano Nero, Helena de Tróia, Cleópatra, o antigo deus do amor Afrodite, a Rainha Elizabeth I, Napoleão Bonaparte, Oliver Cromwell, Emily Dickinson, Antônio Vivaldi, Thomas Jefferson, Vincent Van Gogh, Mark Twain, James Joyce, Winston Churchill, Malcolm X, Galileu, Rei Davi, entre muitos outros.
22. No século XVI o artista Titian (Tiziano Vecelli) pintou muitos ruivos, ao passo que seu nome ficou associado com um tom de vermelho (os cabelos vermelhos também são conhecidos nos EUA como ‘Titian’ ou ‘ginger hair’).
23. Na Roma antiga, escravos ruivos eram bem mais caros do que os demais com outras cores de cabelo.
24. Satanás é frequentemente retratado como ruivo. Muito provavelmente porque o vermelho era visto como a cor do desejo sexual e da degradação moral.
25. Em 1995, o professor Jonathan Reese descobriu que as mutações do gene MC1R do cromossomo 16 são responsáveis pelo cabelo vermelho (conhecido como "ginger gene"). A mutação do gene responsável pelo cabelo ruivo nos seres humanos provavelmente surgiu há milhares de anos atrás.
26. De acordo com um levantamento Clairol Color Attitude, 71% dos ruivos acham que a palavra "bold" (arrojado, corajoso, confiante, seguro de si) descreve-os muito bem
27. Enquanto 49% dos entrevistados em uma pesquisa realizada pela Clairol Color Attitude acham que loiros são ingênuos, apenas 15% dos entrevistados pensavam o mesmo dos ruivos.
28. Alguns estudiosos afirmam que a mesma mutação genética responsável pelos cabelos vermelhos também afeta a maneira como os ruivos respondem à dor e anestésicos.
29. No Egito antigo, ruivas foram enterradas vivas como forma de sacrifícios ao deus Osíris.
30. Atualmente, cientistas relatam que os Neandertais possuíam uma variante do gene responsável pelos cabelos vermelhos, mas que não é a mesma variante presente nos seres humanos modernos, sugerindo que elas não se relacionam entre si.
31. Há uma especulação corrente de que os ruivos seriam extintos em 100 anos. No entanto, um artigo da National Geographic afirma que, o número de ruivos pode até reduzir, mas, salvo uma catástrofe, o gene do cabelo vermelho não irá se extinguir.
32. Embora a Escócia tenha a maior proporção de ruivos (13%), seguido da Irlanda com 10%, os Estados Unidos têm a maior população de ruivos no mundo, com 6 a 18 milhões de ruivos, ou 2-6% de sua população .
33. O gene responsável pelo cabelo vermelho inicialmente representava um benefício aumentando a capacidade do corpo para produzir a vitamina D, o que foi importante para as pessoas que vivem mais longe do equador. No entanto, os ruivos de hoje são mais propensos para desenvolver câncer de pele e rugas prematuras.
34. O cabelo vermelho é uma mutação do gene MC1R do cromossomo 16. A mutação bloqueia a produção de eumelanina (pigmento marrom/preto), o que provoca um acúmulo da feomelanina (pigmentos loiro/vermelhos). Alguns cientistas acreditam que altos níveis de feomelanina pode produzir mais mutações e efeitos perigosos quando expostos à radiação UV.
35. Em A tentação de Michelangelo e na Catedral de São Paulo. Eva é representada como tendo cabelos castanhos e loiros, respectivamente. Mas, em ambas as interpretações artísticas, depois que ela come a maçã e ela e Adão são expulsos do Jardim do Éden, Eva é pintada como uma ruiva.
36. “Ruadh gu Brath” é como se fala, em gaélico, "Ruivos para sempre!"
37. "Gingerphobia" é como se designa o medo de pessoas ruivas. Enquanto "Gingerism" é como é designado o bullying ou preconceito contra ruivos.

38. Alguns sobrenomes comuns nas ilhas britânicas refletem a frequência do cabelo vermelho por aquelas bandas, como exemplo podemos citar: Flanary ("sobrancelha vermelha"), Reid ("ruivo, aparência ruiva"), e Flynn ("vermelho").

quarta-feira, 8 de dezembro de 2010

Lenda – Ruivos são príncipes e princesas de Atlântida ;)

Conta a lenda que o príncipe Idon de Mu, descobriu Atlântida a tempo de mudar o seu povo para o novo continente, antes de sua terra natal ser destruída por uma enorme catástrofe natural.
Ele chegou a Atlântida durante pôr do sol e imediatamente se apaixonou pela nova terra. O céu e as nuvens eram de uma linda cor vermelha, refletindo os raios do sol poente, enquanto que as folhas das árvores eram movidos por uma brisa suave.
De tão maravilhado o Príncipe Idon pensou em salvar toda essa beleza para que fosse vista e apreciada por todas as gerações futuras. Foi então que seu desejo se tornou realidade e a imagem da terra de Atlântida fora permanentemente gravada na sua própria aparência. Assim, seus cabelos tornaram-se vermelhos, como a cor do céu e seu rosto ficou coberto de sardas, a imagem das folhas.
A partir de então, toda vez que alguém olha para um ruivo, vê refletido nele a imagem do pôr do sol de Atlântida, porque cada ruivo descende do Prince Idon, que depois se tornou o primeiro rei de Atlântida. Por isso podemos dizer que cada ruivo ou ruiva pode ser considerado um príncipe ou uma princesa de Atlântida.

sexta-feira, 3 de dezembro de 2010

Será que existe japonês ruivo???

A questão foi levantada no desenho South Park, no episódio sobre ruivos chamado “Ginger Kids”, onde o pai de três ruivinhos aconselha (dá dicas) aos personagens do desenho para que se eles “realmente não querem ruivos, casem-se com uma asiática. Asiáticas não carregam o gene recessivo. Conheci um cara que casou com uma japonesa apenas por essa razão” (kkk).
Apesar do cabelo vermelho ser uma constante nos animes e personagens japoneses, parece improvável que exista no Japão pessoas com os cabelos ruivos naturais, pois todos os japoneses, por uma questão genética mesmo, têm os cabelos pretos e olhos escuros (excluindo albinos ou algo do tipo). No entanto, a "mesmice" de ter cabelo preto está fazendo com que quase todas as mulheres japonesas pintem seus cabelos. A título de curiosidade, o Japão atualmente é o país onde as mulheres mais pintam seus cabelos, em segundo lugar está a Dinamarca (85% das mulheres).
A maioria delas tem preferência pelo marrom escuro ou vermelho, que fica muito bonito e natural ("chapatsu"). Entretanto, há aquelas que escolhem o loiro ("kimpatsu"), vermelho brilhante, etc. O azul claro e outras as cores escandalosas e diferentes não são muito comuns, principalmente em localidades fora das áreas metropolitanas.

Obs: a minha namorada tem os olhos puxadinhos, mas ela é brasileiríssima rsrs viva a mistura!

terça-feira, 30 de novembro de 2010

quinta-feira, 25 de novembro de 2010

Por que as ruivas são mais sexys?

“Mulheres ruivas são sexy”. 
O cinema com certeza é o grande responsável por formar esta ideia a respeito dos fios vermelhos. Afinal, aposto que todas as ruivas de Hollywood que você lembra, participavam de papéis como mulheres fatais.
Ainda, como seres humanos, reagimos às cores e o vermelho é uma cor intensa e sexual. Vermelho é a cor do calor e da paixão. É a cor do sangue e da vida. O Cabelo vermelho parece desencadear respostas primordiais para todas essas coisas.
O ruivo é brasa, é fogo, é a cor do calor e da paixão, o que contrasta com a pele branquinha e casta, que transmite um ar de pureza e candura. Os ruivos carregam esses paradoxos, essa dualidade, são um mistério e isso chama a atenção!
Além disso, o fato de ser uma cor de cabelo raro contribui para deixar os cabelos vermelhos cada vez mais atraentes e chamativos frente aos demais. O tom ruivo concede à mulher um ar de mistério, encantos, além do estereótipo mais sexual culturalmente conquistado. A mulher ruiva chama a atenção em qualquer lugar que esteja pelo simples fato de seus cabelos vermelhos se destacarem, por serem diferentes e difíceis de encontrar.
O gênio forte e decidido também ajuda, pois concede as ruivas uma personalidade firme e sensual. Elas sabem o que querem! Isso já são dois passos na frente para elas. É por essa e por outras que eu prefiro as ruivas e você? ;)  

sábado, 20 de novembro de 2010

Qual país possui a maior população de ruivos do mundo?

Os cabelos vermelhos são encontrados mais comumente na orla ocidental da Europa. Liderando o grupo dos países com a maior proporção de ruivos em suas populações estão: Escócia, Irlanda, Gales e Inglaterra. A Escócia tem a maior proporção de ruivos do mundo, com um percentual de 13%, sendo, ainda, que cerca de 40% possuem o gene recessivo ruivo. A Irlanda vem logo atrás, com aproximadamente 10% de ruivos e 40% portadores do gene.
Entretanto, Os EUA, apesar de contar apenas com 2 a 6% de ruivos, considerando sua enorme população, acaba por possuir o maior número de ruivos no mundo com 6 a 18 milhões de ruivos. Comparando com os 650 mil ruivos da Escócia e os 420 mil na Irlanda, podemos dizer que é uma diferença bastante significativa.

Mesmo assim, se quiser achar algum ruivo facilmente, vá pra Escócia ou Irlanda mesmo que lá é 1 a cada 10 :P

terça-feira, 16 de novembro de 2010

Como se livrar das sardas?

Ver a sua pele cheia de sardinhas às vezes cansa? Aprenda aqui alguns truques bem simples para clareá-las e disfarçá-las.
1] Use diariamente cremes hidratantes com protetor solar com FPS alto. À noite, use um creme despigmentante para atenuá-las.
2] Você pode camuflá-las com maquiagem ou um hidratante com cor. O creme deve ter sempre protetor solar.
3] Misture na sua mão um creme hidratante com um pouco de clareador de olheiras. Passe no rosto e você verá que as sardas ficarão com um tom mais claro.
4] Lave o rosto com água de arroz e deixe secar naturalmente. Repita este processo três vezes por semana durante três meses.
5] À noite, coloque um algodão com um pouco de vinagre no rosto. Quando secar, passe iogurte e, ao secar, lave bem.

Importante: Use protetor solar diariamente para evitar o surgimento de novas sardas ou manchas na pele.

quinta-feira, 11 de novembro de 2010

A maquiagem certa para ruivas, no dia-a-dia e na balada ;)


Ao contrário do que muitos pensam, ruivas podem sim ousar na maquiagem. Apesar do cabelo vermelho ser bastante marcante, uma maquiagem sem muita cor pode deixar as ruivas pálidas. "A maquiagem da ruiva tem de ficar no meio termo. Uma sombra preta em uma pele clara demais fica muito pesado, cria um visual fantasmagórico. Já uma pintura 'nude' demais vai deixá-la pálida e sem graça", explica o maquiador Claudio Moreira do salão "Walter's Coiffeur", no Rio de Janeiro.
Para o dia-a-dia, ele aconselha blush pêssego e cor de rosa para as ruivas, batom nude ou bege e lápis marrom nos olhos. "O preto ficaria muito carregado por criar um contraste grande demais", explica o maquiador. Para uma maquiagem diurna, sombras como salmão e caramelo caem bem.
Já à noite, as ruivas podem ousar mais. "Um clássico são ruivas de batom vermelho. É bonito e bastante sexy. Mas para quem quer sair do lugar comum, aconselho sombra verde ou turquesa cintilante, que cria um belo contraste com o cabelo vermelho e a pele branquinha", explica. Vale lembrar que, quando se carrega o olho, deve-se escolher uma cor mais básica para os lábios e vice-versa.

Dicas para pele impecável 
Uma das dicas do profissional é caprichar na hora de preparar a pele. Hidratante com filtro solar, corretivo, base e pó facial são indispensáveis mesmo no dia-a-dia. "É importante que seja algo prático e com boa cobertura, por isso recomendo a base em bastão. Para que ela não fique muito pesada, recomendo espalhar a base com uma esponjinha umedecida. Isso dá suavidade ao visual", explica Claudio, que aconselha testar os produtos direto no rosto. "Essa história de testar na palma da mão ou no antebraço não funciona", revela.